Friday, June 03, 2005

O Homem do Laço

Image hosted by Photobucket.com
Donald Tsang apresentou a candidatura a chefe do executivo de Hong Kong. Há mais dois candidatos para as eleições decorrerm no dia 10 de Julho - o deputado Chim Pui-chung e o líder do Partido Democrata, Lee Wing.tat - mas já se sabe que Tsang vai ser o escolhido pela Comissão Eleitoral, porquanto é o eleito por Pequim para ocupar a cadeira deixada vaga por Tung Chee-hwa.
E o que pensa Donald Tsang, dedicado e condecorado funcionário público ao longo de mais de 30 anos, acerca da política e sociedade de Hong Kong?Eis umas frases soltas:

Sobre a governação, "We have made mistakes, but let's not look at the past as a reason for our grumble today".

Acerca do sufrágio directo, "Mapping out a rigid time is difficult. The biggest challenge is the mutual trust between Hong Kong and the central government"

E o que há a dizer sobre o 4 de Junho (Massacre de Tiananmen)? "We can see that our country has impressed the world with its economic, social and political reforms over the past 16 years. I think is more rational when we look at it from this perspective. That's all I have to say"

2 comments:

Anonymous said...

Donald Tsang assume-se mais como um funcionário público fiel, do que como um político.

Ou seja, trabalha de acordo com as chefias do momento. Em tempos já foi a Rainha, mas agora é Pequim...

Se houvesse voto directo, tenho a certeza que diria coisas diferentes. Mas não há e, pelos vistos também no mandato de Tsang, não vai haver nos próximos anos.

Estas "frases soltas" não perspectivam nada de bom....

Ma Tin Long said...

A escolha de Donald Tsang para Chefe do Executivo serve dois propósitos fundamentais para Pequim nest altura. Por um lado,ter neste lugar alguém que seja um fiel cumpridor da linha do governo central, por outro e sumultaneamente, que tenha um sentido político apurado e que seja bema ceite pela população. Parece-me que Tsang cumpre na perfeição este propósito. Além do mais, é uma maneira do governo chinês ganhar tempo no braço de ferro com a maioria da população de Hong Kong que pretende um avaço rápido para um sistema de sufrágio directo e universal. O interesante é que certos sectores mais tradicionais (pró-Pequim) não engolem muito bem Tsang por este ter sido um servidor exemplar da "Union Jack" e por não terem sido cosnultados nesta crise política resultante da saíd de Tung Chee-hwa.